Tendo em conta a evolução do novo coronavirus, a Direção-Geral de Saúde lista os gestos simples que devemos ter em atenção para nos protegermos e protegermos os que estão à nossa volta. Siga as recomendações:

  1. Seguir as recomendações das autoridades locais;
  2. Lavagem frequentemente das mãos, especialmente após contato direto com pessoas doentes, com água e sabão, esfregando-as bem durante pelo menos 40 segundos;
  3. Reforço da lavagem das mãos antes e após a preparação de alimentos, após o uso da casa de banho e sempre que as mãos parecerem sujas;
  4. Pode também usar-se em alternativa, para higiene das mãos, uma solução à base de álcool;
  5. Evitar contato próximo com pessoas com sinais e sintomas de infeções respiratórias agudas; 
  6. Tossir ou espirrar para o braço com o cotovelo fletido, e não para as mãos;
  7. Usar lenços de papel (de utilização única) para se assoar;
  8. Lavagem das mãos sempre que se assoar, espirrar ou tossir;
  9. Evitar tocar nos olhos, no nariz e na boca com as mãos sujas ou contaminadas com secreções respiratórias;
  10. Evitar contactos com animais;
  11. Nos 14 dias seguintes vindo de uma área afetada pelo Covid-19, se o trabalhador apresentar febre, tosse e eventual dificuldade respiratória, não se deve deslocar aos serviços de saúde, mas ligar para os serviços de saúde locais ( 15 em França);
  12. As áreas de risco são, neste momento, China, Hong Kong, Macau, Irão, Singapura, Coreia do Sul, Itália.
  13. A volatilidade da situação aconselha à leitura e consulta à informação veiculada pelas autoridades locais sobre novos países ou áreas de maior risco.

A DGS publicou ainda um site com informação adicional e perguntas&respostas, disponível em: https://www.dgs.pt/corona-virus.aspx

  • Partilhe